A História de Bob Marley

Bob Marley – O Primeiro Grande Astro do Terceiro Mundo

O cantor, compositor e guitarrista Bob Marley nasceu no dia 06 de fevereiro de 1945 sob o nome de batismo Robert Nesta Marley. Os pais de Bob eram uma jovem negra chamada Cedella Booker, que quando deu a luz tinha apenas 18 anos, e um capitão mais velho chamado Norval Sinclair Marley.

A terra natal de Bob Marley é um vilarejo do interior da Jamaica chamado Nine Miles. O artista viveu apenas 36 anos, porém, esse pequeno tempo foi suficiente para que ele fizesse a Jamaica ser reconhecida em todo o mundo através da sua música, forma de viver e comportamento. Conheça mais sobre Bob Marley, o primeiro grande astro do terceiro mundo reverenciado nos quatro cantos do globo.

O Começa da Vida de Bob Marley

Durante os primeiros anos de vida Bob viveu com a mãe Cedella no campo. Quando o garoto tinha 8 anos sua mãe foi viver com Toddy Livingstone que era pai de Bunny, um dos grandes amigos de Bob. Com sua nova família Bob se mudou para a capital da Jamaica, Kingston.

Na cidade grande a família vinda do campo foi morar numa das principais e mais destacadas favelas do país, Trench Town. A mãe de Bob desejava que o filho tivesse uma vida melhor do que a sua foi e por isso trabalhava muitas horas como empregada doméstica para pagar uma escola particular para o menino.

Nessa fase Bob já mostrava que tinha uma ligação bastante forte com a música, junto com o seu amigo quase irmão, Bunny, ele improvisava guitarras feitas de lata e ficava horas brincando de “tocar” os grandes sucessos musicais que vinham da América em especial de New Orleans. Os garotos escutavam as músicas num radinho transistorizado. 

Sound-Systems e a Música da Jamaica

Apesar de para os norte-americanos o R&B ter decaído na década de 60, os jamaicanos, ainda adoravam o estilo. Porém, com a falta de audiência americana os discos do estilo foram se tornando mais raros. Para conseguir uma boa música de R&B os donos dos chamados Sound-Systems (sistemas de som) foram obrigados a passar a observar os talentos da própria Jamaica.

Foi assim que começou a surgir uma música própria da ilha que fazia uma mistura de R&B e Big Bands que resultou no vibrante Ska. Os donos dos Sound-Systems passaram a ser produtores e a alugar um estúdio pata os jovens talentos cantar, tocar e fazer discos.

O Começo de Bob Marley na Música

Com apenas 14 anos Bob já sabia que queria ser músico, porém, para agradar a mãe Bob se tornou soldador. No seu tempo livre Bob e Bunny aperfeiçoavam sua habilidades como músicos em aulas dadas pelo cantor Joe Higgs, um dos mais famosos moradores de Trench Town.

Numa dessas aulas gratuitas de Higgs, Bob e Bunny, conheceram Peter Tosh. Foi em 1962 que Bob conseguiu o apoio do produtor Leslie Cong para gravar “Judge Not”, de sua composição. Como não foi muito bem sucedido com essa gravação Bob decidiu montar um grupo musical com Bunny e Peter, o grupo se chamou “Wailing Wailers”. 

Wailing Wailers

O mentor do grupo foi Alvin Peterson, um percussionista Rastafari. No ano de 1963 o grupo gravou seu primeiro álbum. No ano de 1964 o primeiro single, “Simmer Down”, estourou nas paradas jamaicanas. Foi então que o grupo passou a ter mais um integrante, o cantor Junior Braithwaite além de duas backing vocals, Berverly Kelso e Cherry Smith.

Com o sucesso o grupo de Marley passou a gravar com certa regularidade. Com o passar do tempo o grupo emplacou vários sucessos. Porém, mesmo assim os Wailers tinham dificuldades financeiras e Junior Braithwaite, Berverly Kelso e Cherry Smith saíram da banda.

Bob Marley nos Estados Unidos

A mãe de Bob havia se casado novamente e foi morar em Delaware, nos Estados Unidos, com algumas economias mandou uma passagem de avião para o filho que tinha então uns 20 anos. Porém, antes de embarcar para a nova vida que sua mãe havia planejado Bob conheceu uma jovem chamada Rita Anderson e no dia 10 de fevereiro de 1966 os dois se casaram. Depois de apenas alguns meses trabalhando nos Estados Unidos ele retornou a Jamaica, no mês de outubro de 1966.

Quando Bob voltou ao seu país viu que o movimento Rastafari havia crescido muito em Kingston. No ano de 1967 a música de Marley já mostrava a sua nova crença e mudou de hinos para garotos do gueto para músicas sociais e espirituais que consagrou o seu trabalho musical.

Wailling Wailers

Novamente com os amigos Bunny e Peter Tosh, Bob, começou um novo grupo chamado “Wailling Wailers”. Devido ao desejo de cantar musicas Rastafári resolveram fundar seu próprio selo, Waili’N’Soul. Porém, sem uma boa administração o selo foi a falência em 1967.

Para sobreviver os músicos se tornaram compositores de uma companhia associada ao cantor americano Johnny Nash. Os jovens também se juntaram ao produtor Lee Perry para gravar novamente como os Wailers. As músicas “Duppy Conqueror”, “400 Years”, “Soul Rebel”, e “Small Axe” são consideradas clássicos e deram uma nova direção ao reggae.

Sucesso Fora da Jamaica

Em 1971 Bob Marley foi convidado por Johnny Nash para ir até a Suécia. Foi então que o cantor jamaicano assinou um contrato com a CBS que era a mesma gravadora do amigo cantor americano. Através desse contrato os Wailers conquistaram o restante do mundo com o seu reggae.

Com o disco “Catch A Fire” o grupo se tornou um grande sucesso e tornou Bob Marley reconhecido internacionalmente. O sucesso trouxe o dinheiro, os fãs e o assédio da mídia internacional. Bunny e Peter Tosh partiram para carreiras solos quando perceberam a grandiosidade do sucesso de Marley. 

A Morte de Bob Marley

O artista faleceu no ano de 1981 devido a um câncer de pele que acabou se espalhando por outros órgãos. As músicas de Marley se tornaram grandes clássicos e as suas frases e filosofia de vida passaram a nortear a vida de muitas outras pessoas. Uma das sábias frases de Bob:

“Os ventos que às vezes tiram

algo que amamos, são os

mesmos que trazem algo que

aprendemos a amar…

Por isso não devemos chorar

pelo que nos foi tirado e sim,

aprender a amar o que nos foi

dado.Pois tudo aquilo que é

realmente nosso, nunca se vai

para sempre…” 

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Cantores

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *