Edgar Allan Poe

Edgar Allan Poe foi um poeta, crítico e escritor americano que muito contribuiu com os gêneros de terror e ficção científica. Poe é considerado o pai das histórias de detetive modernas e altamente apreciado por sua poesia.

Origens

Poe nasceu em 19 de Janeiro de 1809 em Boston, Massachusetts, EUA. Filho dos atores David Poe e Elizabeth Arnold Hopkins tinha também um irmão e uma irmã. Depois da morte de seus quando ainda criança, foi adotado por Frances e John Allan, que era um rico mercador em Richmond, Virginia.

Poeta

O jovem Edgar viajou com os Allan para a Inglaterra em 1815 e freqüentou a escolea em Chelsea. Em 1820 ele retornou a Richmond aonde freqüentou a Universidade da Virginia e estudou latim e poesia, além de gostar de nadar e atuar.

Teve de deixar a escola devido às dívidas de jogo de seu pai adotivo e se alistou no exército dos EUA aonde serviu por dois anos. Já escrevia poesia e em 1827 lançou seu primeiro livro às próprias custas.

Vida e Carreira

Em 1829 e 1831 publicou mais livros e mudou-se para Baltimore, aonde conheceu Virginia Eliza Clemm que se tornaria sua esposa aos treze anos de idade. Seu imão Henry também vivia na mesma casa mas logo faleceu de pneumonia. Em 1833 começou a ter sucesso como escritor e crítico respeitado, contribuindo com diversas publicações de sua época.

A coleção de poesia de Poe intitulada “O corvo e outros poemas” de 1845 lhe deu grande renome e incluía os famosos poemas “O corvo”, “Eulalie” e “Para Helena”. Ele continuou sempre a escrever artigos criticos, poesia e contos curtos.

Coleção

Vivia em uma residência no Bronx na cidade de Nova Iorque, quando sua esposa Virginia faleceu em 1847. Poe então se entregou ao álcool e era visto demonstrando comportamento errático. Um ano depois estava noivo da jovem Elmira Royster. Em 1849 deu início a uma turnê de leitura e ensino de poesia, tentando levantar fundos para dar início a uma nova revista.

Falecimento e Influência

Histórias conflitantes narram sua morte: Alguns dizem que morreu devido ao alcoolismo, outras que foi assassinado e várias doenças também foram atribuídas a sua morte. Mas a maioria dos relatos diz que foi encontrado na rua inconsciente e levado ao hospital Washington College Hospital em Baltimore, Maryland, falecendo pouco depois, em 7 de outubro de 1849.

Morte

Suas histórias psicologicamente trabalhadas examinam as profundezas da psique humana e lhe deram muita fama durante sua vida e após sua morte. Sua própria vida foi marcada pela tragédia desde a juventude (seus pais morreram quando ele tinha três anos) e em seus trabalhos podemos ver freqüentemente a sua sensibilidade sombria: uma obsessão com a morte e a violência e uma apreciação pelos mistérios belos e trágicos da vida. Foi assunto de várias biografias e influencia autores até o século 21.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Escritores

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *