Juca Kfouri

Com 60 anos de idade, Juca Carlos Amaral Kfouri, popularmente conhecido apenas por Juca Kfouri, é um jornalista esportivo brasileiro, um membro importante e muito respeitado neste meio.

Carreira

Juca Kfouri

Juca Kfouri

Juca Kfouri cursou Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, cursou ainda Ciências Humanas e Letras pela Universidade de São Paulo, ocasião em que foi convidado a trabalhar junto ao DEDOC – Departamento de Documentação na editora a Abril, no ano de 1970, onde permaneceu pelos próximos 4 anos, chegando ao cargo de chefe de departamento.

Depois recebeu convite para ocupar o cargo de chefe de reportagem pela revista Placar, permanecendo nesta empresa até o ano de 1978. Teve uma rápida passagem pela TV Tupi, da qual se afastou em função de atrasos no pagamento dos salários.

Junto dele saíram outros funcionários, mas Juca foi convidado, no outro dia, para atuar como editor para projetos especiais da revista Abril. Com o afastamento de Milton da Graça, Juca Kfouri recebeu convite para ocupar o cargo de diretor de redação, pela revista Placar.

Polêmica

Matéria

Matéria

Juca ganhou notoriedade pela organização, no ano de 1982, de matéria que denunciou a “Máfia da Loteria Esportiva”. As denúncias levataram a questão de jogadores de futebol, que seriam pagos por apostadores, com o intuito de garantir os resultados nos quais os interessados teriam apostado, em jogos da loteria.

A matéria teve tanto sucesso e repercussão que quase mereceu um prêmio de jornalismo, “Prêmio Esso”. O assunto foi abordado em diversas edições da revista Placar, o que gerou ameaças à Juca, por meio de telefonemas anônimos. Foi a partir daí que Juca decidiu priorizar o seu trabalho naquela revista, com foco no viés investigativo, uma ousadia na imprensa esportiva do Brasil.

Revista Playboy

Como diretor de redação desta revista, Juca Kfouri fez trabalhos diferenciados como, por exemplo, uma matéria envolvendo Carlos Záfiro, na qual foi desvendada sua identidade. No ano de 1993, Pelé concedeu entrevista denunciando a CBF e esquemas de corrupção, uma questão bastante polêmica.

Outra conquista de Juca foi conseguir que a camisinha fosse citada nas suas reportagens, alterando desta forma a política da Playboy, que anteriormente proibia esta citação.

Desligamento da Abril

No ano de 1995 Juca se afastou da editora Abril por manter suas convicções, ou seja, recebeu uma proibição sobre apresentação de denúncias contra Ricardo Teixeira e Eduardo Farah. Desgastado com esta situação Juca deixa a diretoria de redação da revista Placar.

Copa 2010

Jornalista

Jornalista

Como não poderia deixar de ser, Juca, sendo um jornalista esportivo, posicionou-se a cerca da atuação do Brasil na Copa da África, e houveram também alguns mal entendidos envolvendo o jogador Kacá. De qualquer forma Juca criticou a postura de Dunga frente à seleção brasileira. Segundo ele a diferença estaria no talento dos jogadores e não em fórmulas de concentração das seleções.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Jornalistas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *