Homicídio da Advogada Mércia

É mais do que comum, vermos na televisão noticiários de crimes bárbaros, violências, assassinatos e muitas mortes. Mais comum ainda, é ver o quanto são demoradas as investigações e a certeza dos verdadeiros culpados. A polícia se empenha na investigação, para que os crimes possam ser esclarecidos e sendo assim possa ser feita justiça. E, mais uma vez um caso intriga o Brasil e desafia a polícia. Todos puderam acompanhar na televisão, o desaparecimento da advogada, Mércia Nakashima, de vinte e oito anos. Mércia desapareceu e foram intensas investigações, apelo dos familiares, para que ela fosse encontrada com vida.

Homicídio da Advogada Mércia

O Dia do Desaparecimento

No dia vinte e três de maio de dois mil e dez, em um domingo, Mércia desapareceu depois de ter passado o dia na casa da avó, em Guarulhos, onde havia almoçado com seus familiares como era de costume. Mais ou menos às dezoito horas, a advogada deixou a casa da avó para retornar a sua casa, para a qual não voltou. A distância entre a casa da avó e a casa de Mércia era pequena e momentos antes de deixar a casa da avó, Mércia recebeu um telefonema, que a família acredita ter sido do seu ex-namorado e ex-sócio, Mizael Bispo de Souza, também advogado e policial militar. A partir deste dia, Mércia foi dada como desaparecida e a polícia foi acionada, para que pudesse começar as investigações e se empenhasse na busca de Mércia. Cartazes feitos pela família com a foto de Mércia foram espalhados pela cidade, com a esperança de alguém a ter visto e assim pudesse fornecer informações para a polícia.   

Crime

Primeiras Pistas

Desde então buscas estavam sendo feitas e hipóteses sendo analisadas. Foi então que no dia dez de junho, o carro de Mércia foi localizado na Represa Nazaré Paulista, em Atibaia. O corpo de bombeiros foi até o local para que pudessem retirar o veículo e pudessem achar pistas mais evidentes. Os mergulhadores do corpo de bombeiro fizeram a busca na represa e encontraram o veículo de Mércia, que estava há seis metros de profundidade. No dia seguinte o corpo de Mércia foi encontrado, que foi identificado sendo o da advogada pelo irmão dela, Márcio Nakashima.

Tentativa

Investigações e Suspeitos

Com o carro e o corpo encontrados, a polícia agora se empenha para desvendar esse crime tão brutal. O carro será submetido à perícia e todos os objetos também, com o intuito de verificar as impressões digitais. O corpo de Mércia também passou pela autópsia para verificar a causa de morte e a exatidão da data de sua morte. Os laudos sairão em mais ou menos 30 dias. A Polícia trabalha para encontrar o assassino e, tem como principal suspeito o ex-namorado da advogada, que já se apresentou e foi contraditório nos depoimentos dados. Agora, o Brasil e a família da advogada esperam por justiça e, que o culpado seja encontrado e que esse crime não fique impune como muitos no Brasil.

Escrito por Renata Reis

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Fatos

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *