A Carreira de Guilherme Santana: Humorista do Pânico na Band

Sucesso na televisão e na rádio, o programa Pânico lançou talentos na comédia que até então o Brasil desconhecia. Quem iria adivinhar que a ex Big Brother Brasil Sabrina Sato seria uma comediante divertida com sua pseudo burrice? Um dos talentos que faz parte do elenco e também de sucesso é o comediante Guilherme Santana, mais conhecido como Gui Santana. 

Nasce Uma Fábrica de Risos

Gui Santana tem na certidão de nascimento Guilherme Ventura Santana, nascido na cidade de Penápolis, cidade interiorana do Estado de São Paulo. Sua arte para imitação e arrancar risada de todos começou cedo, ainda no colegial. Quando criança imitava os professores que considerada mais chatos, para a tristeza do professor mas alegria dos colegas de classe. Era um dos mais queridos porque sabia fazer imitações como ninguém.

Suas imitações na escola eram o foco de um sonho: ser um grande humorista com diversos personagens. Quando jovem, seu principal ídolo era o humorista Tom Cavalcanti, famoso por imitar desde porteiros de prédio até vozes de famosos. 

Gui Estréia na Rádio Local

Seu primeiro trabalho como humorista foi em um veículo que Guilherme Santana sentia certa afinidade: o rádio. Em uma rádio local, a Ativa FM, Gui pode ousar e ficar conhecido. Sua participação na programação era no quadro de humor Ninguém Merece!, com trotes por rádios divertidos e bem famosos. A aberta era feite pelo humorista com piadas e muitos trotes passados para os ouvintes eram ideias suas, fazendo sua passagem na rádio um sucesso e forte para o seu currículo.

Pensando sempre em seu foco, fazer humor, Guilherme foi buscar o profissionalismo. Fez dois cursos importantes para a sua rádio: faculdade de rádio e TV e técnico em teatro. Enquanto se formava, ganhou destaque na faculdade por programa experimental de humor e reconhecimento dos colegas por ser um dos estudantes com maior talento. 

Em 2008, Guilherme Começa na MTV

Já graduado, era a hora de ousar mais e partir para carreiras mais sérias. Guilherme Santana vai então fazer teste para uma carreira que lançou diversos talentos: VJ, apresentador do canal musical MTV Brasil.

O primeiro trabalho do humorista na emissora foi mais ou menos um acidente e um pouco de sorte e talento. Sendo um candidato no programa Quinta Categoria, Gui fez um teste de calouros e foi super ovacionado por sua participação mais que especial. Logo em seguida surgiu um contrato com a emissora para atuar ao lado de dois profissionais de peso da emissora: os igualmente VJs Cazé Peçanha e Marcos Mion, sucesso na época. O seu papel era uma sátira com o apresentador de telejornal global William Bonner, o William Bombonner.

Com seu talento e sucesso na emissora, mais um trabalho surgiu na MTV: o programa de verão  Furfles on the Beach, um verdadeiro sucesso de público. Seu sucesso foi tão grande que o apresentador ficou mais tempo no ar que seus colegas durante a temporada de férias da emissora, quando sua programação muda para atrações na praia.

Em 2010 Gui renova mais uma vez o seu contrato e ganha um novo formato de programa, o 15 Minutos em Dobro. Com seu sotaque aguçado, Guilherme seria um caipira perdido na cidade grande do Rio de Janeiro, fazendo com altas travessuras. Ainda no mesmo ano, a emissora resolve aproveitar um pouco mais do seu talento para a arte e investe em um novo formato de programa, Comédia MTV, no qual o jovem VJ teria que imitar alguns famosos com bastante sucesso. 

Guilherme Santana em Jô Soares

Como todo bom sucesso, Guilherme Santana chama a atenção de alguns famosos e faz uma super participação em 2010 no programa do também humorista Jô Soares. No sofá de histórias mais famoso do Brasil, o comediante conta sua trajetória para Jô e ambos arrancam boas risadas do público. Suas imitações perfeitas de personagens clássicos como o Zacarias dos Trapalhões arrancaram belas risadas.

Guilherme Santana vai Para o Teatro

Em 2011 Guilherme Santana vai fazer o que mais sabe fazer: humor. O veículo agora é o teatro com o espetáculo Improviso, em São Paulo. O espetáculo uniu improviso e stand up comedy com uma boa quantidade de personagens bacanas como Nany People, Bruno Motta e Fábio Silvestre.

O espetáculo passou diversos meses no ar e foi um sucesso em público, mais uma vez deixando a carreira de Guilherme à mostra e provando que ele ainda tinha muito a oferecer ao mercado do humorismo brasileiro.

Guilherme Santana no Pânico na TV

Enquanto ainda estava com seu programa Comédia MTV e peça de teatro, o ator foi convidado algumas vezes para o programa Pânico na TV, uma migração da turma do Pânico na Rádio para um dos programas de maior sucesso em 2011.

Convites indo e vindo e Gui indo para o programa eventualmente, acabou recebendo um convite prontamente aceito para fazer parte do programa permanentemente. Quando o programa migrou para a Band, ele foi junto e arranca risadas e até medo de alguns telespectadores. 

Guilherme Santa e sua Polêmica no Pânico na Band

Gui Santana não perdeu seu talento, mas alguns críticos de TV revelam que ele talvez tenha perdido a linha nas suas aparições no Pânico na Band. Os seus quadros já o fizeram ficar noites sem dormir, como o Bem Dormindo, no qual precisa enfrentar em um espaço fechado animais e até mesmo objetos nada agradáveis para dormir. Claustrofóbico, o humorista diz que tem que aguentar.

Em outros quadros do programa, Guilherme já cortou os cabelos, levou sustos enquanto dormia, foi colocado em ambientes pequenos demais e ainda vestiu-se com roupas consideradas exageradas para seus personagens. Para o humorista, tudo em nome do sucesso e fama. Mas o publico anda criticando em fóruns e redes sociais, considerado a posição de Guilherme exagerada e pacifista demais, sem necessidade para entretenimento na televisão.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Apresentadores

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *